terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Todos os dias são apenas dias?

Já pararam para pensar como é que se passa o tempo?
Tempo de nascer, crescer, amadurecer e morrer.
Mas o que fazemos durante essa transição do tempo, vivemos, sim, mas como?
Será sonhando, chorando, discutindo, invejando ou até mesmo crescendo... mas para que lado, para onde?
Será que cada dia crescemos em algo, chegaremos em algum lugar e que lugar é esse é bom ou mau?
Trilhar é tão difícil ainda mais quando encontramos algumas pedras até mesmo aquelas que empurramos com o pé por ser pequenininha mas o que fazer com aquelas maiores, ou aquela que vem de surpresa...
Um dia mesmo que seja apenas um dia essa pedra chega de diferentes formas, com outros rostos e sorrisos umas vai chegar como um furação outras vem de mansinho pedindo um xícara de café pois o dia foi entediante...
Enfim, dias, o que você tem pra mim?
Realmente nada é tão igual...
O que reservou desde o momento em que o relógio despertou para mais um dia de sol ou de chuva...
e o que me reserva quando o sono chega para me leva para a escuridão para assim nascer mais um dia...



c Roberta Del Carlo c 

3 comentários:

  1. São perguntas que não querem calar, hein?
    Fico feliz em saber que gosta dos meus textos e eroticidades.. sinta-se á vontade lá no Sem Pudor!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. O tempo é uma coisa curiosa.
    Ele é implacável, ele nos toma a juventude, nos deixa com saudade mas cura aqueles sentimentos que achamos que serão incuráveis.

    ResponderExcluir
  3. Oi Roberta.
    Obrigado pela visita de retribuição.
    Se gostou de Fumacentos deves ler Karaokecídio - rss.
    Procura lá.
    Bj

    ResponderExcluir

Romance Dolorosa Paixão na Amazon.Kindler

Olá! Finalmente o meu livro está na Amazon, aquele primeiro livro que um dia escrevi num blog chamado:  http://dolorouspassion.blogspot.co...